segunda-feira, 30 de agosto de 2010

Renovação Espiritual marca a abertura do Encontro de Adolescentes do Ministério do Belém

    Unção e quebrantamento, renovo e olhos marejados de lágrimas marcaram o 15º Encontro do CAAD - Conjunto de Adolescentes da Assembleia de Deus, Ministério do Belém em São Paulo.
     Em cada reunião cerca de 3 mil adolescentes divididos por escalas de setores glorificavam e adoravam ao Senhor. O tema este ano é o que está escrito em Salmos 73.28 "Bom é aproximar-me de Deus".
     O preletor do culto de abertura foi o pastor Silvino Junior, da AD - Belém em Osasco, setor 05. Com seu jeito alegre e contagiante de pregar, o ministro conseguiu prender a atenção dos presentes na mensagem que durou cerca de 50 minutos e foi encerrada com uma oração onde adolescentes que se encontravam angustiados, tristes, desprezados e até com vontade de desistir de servir ao Senhor foram chamados a frente do púlpito para receberem a bênção de Deus e saírem com suas vidas renovadas. O que realmente aconteceu.
     Durante a oração, foi possível ver centenas de adolescentes se derramando em lágrimas diante do altar do Senhor, algumas dezenas prostrados de joelhos pedindo a misericórdia e outros abraçados se alegrando por sentir a transformação de Deus em suas vidas.
     O encontro continuou na noite de sábado, na manhã de domingo (29) houve a manhã missionária no templo, no período da tarde um grande culto evangelístico também realizado no largo do Belém e a noite, a partir das 19h o culto de encerramento novamente teve templo lotado. O preletor dos outros períodos foi o pastor Joel Freire da Costa, missionário da AD - Belém e Presidente da Convenção das ADs Brasileiras nos EUA (CONFRADEB).
     Além da maravilhosa presença de Deus, a bela decoração e excelente recepção feitas pelos adolescentes da sede, líderados pelo Ev. Adauto e sua esposa, irmã Rute Silva, coordenadores do ministério também chamaram a atenção de todos que ali compareceram
Fotos e Texto extraído dos blogs do CAADJE e UAADEG

Que tal uma Bíblia nova?

     Na semana passada minha sobrinha fez aniversário. Pensei em lhe dar uma Bíblia de presente e entrei numa dessas “quitandas” evangélicas (vendem de tudo, meu Deus!). Há tempos eu já percebo que “Bíblia” virou um bom negócio. Mais do que as já tradicionais bíblias de estudo, como a Shedd, a Pentecostal, a Scofield, a de Genebra... agora parece que o foco é mais o “nicho de mercado”. Há Bíblias para todo tipo de gente e “tribos”.
     Acabei não comprando a Bíblia... mas o espanto com tantos títulos e “opções” me levou a certas inquietações, conclusões e risadas. Vejamos apenas algumas dessas bíblias:

     Bíblia com Orientações de Saúde – Física, Emocional e Espiritual
     O que é isso? Será que vem com guia de malhação, receitas diet e light, do tipo “tenha sua barriguinha tanquinho em 15 dias”? Ou com o catálogo de psicólogos de algum plano de saúde?
     Mais interessante é saber que é “comentada” por Silas Malafaia e sua esposa...

     A Bíblia do Pregador
     Se você não prega, esqueça! Essa Bíblia não serve pra você!
     Mas se você é um desses pastores que não tempo de realmente estudar a Palavra e quiser uma Bíblia com quase 2.000 esboços prontinhos... achou! Acabaram seus problemas. Chega daquela canseira de preparar mensagem toda semana... Se você prega, em média, 3 mensagens por semana (que é geralmente o que um pastor de igreja local prega) você terá nada mais nada menos que 666 (opa!!!) semanas sem se preocupar... Besta é quem não aproveita essa “vantagem”!

     A Bíblia de Estudo em Cores
     Cuidado se for daltônico...

     Bíblia de Estudo Profético
     É a Bíblia do “Deixados para Trás”, assinada por Tim LaHaye, o “profeta” preferido da turma dispensacionalista. Você descobrirá o sentido “profético” por trás de cada palavrinha do texto sagrado, até mesmo aqueles que não tinham a mínima idéia que seriam interpretados assim...
     Deveria vir com o aviso: “Em caso de arrebatamento, esta Bíblia ficará sem dono.”

     Bíblia de Estudo Batalha Espiritual e Vitória Financeira
     Para todos aqueles que se interessam por geopolítica infernal, auto-ajuda evangélica, conselhos sábios do genial vended... ops, profeta Morris Cerullo e do televisivo Silas Malafaia.
     Segundo a publicidade da própria editora: “A Bíblia de Estudo Batalha Espiritual e Vitória Financeira foi projetada para levá-lo a uma nova posição de poder e vitória em todas as áreas da sua vida, embora o foco esteja em duas áreas: a batalha espiritual e a vitória financeira.”
     Sem comentários...
     Quanto à vitória financeira... pergunte aos editores... eles venceram bastante!!!

     Bíblia da Mulher
     Que legal! Afinal de contas nada mais justo que uma Bíblia da mulher pra tirar o ranço de livro machista.
     E também não devemos deixar de pensar que as mulheres são maioria em nossas igrejas... belo mercado!
     A Bíblia ideal para substituir as “infernais novelas”. Pare de ver TV e vá ler a Bíblia, deveria ser o slogan desta Bíblia.

     Bíblia da Mulher que Ora
     É porque essa aí de cima só lê a Bíblia, mas esquece de orar... deve ser isso, né?
     Sem comentários...
 
    Bíblia da Mulher Vitoriosa
    Assinada por Elizete Malafaia (mulher do já vitorioso – pelo menos financeiramente – Silas Malafaia)
    Esqueça as duas Bíblias aí de cima...
    Não basta ler a Bíblia e orar... tem que ser vitoriosa... e isso só com os produtos da Central Gospel.

     Bíblia do Homem
     Aleluia!
     A gente estava perdendo de 3 x 0
     Tá começando a virada... 3 x 1

     Bíblia de Estudo Aplicação Pessoal
     O que mais me chamou a atenção nesta Bíblia é a propaganda:
“Ao ler a Bíblia de Estudo Aplicação Pessoal você vai descobrir com muito mais profundidade verdades eternas contidas nos textos bíblicos, enxergar a relevância delas para sua vida e, principalmente, poder aplicá-las à sua própria vida, permitindo assim, uma maior comunhão com o Criador.”
Ou seja... esta é A bíblia... as outras não servem tanto... deve ser isso, né?

     Bíblia A Rocha
     Confesso que apesar de todas as outras esquisitices aí de cima... nenhuma me chocou mais que essa, por sua propaganda simplesmente absurda:
     Bíblia A Rocha: A Bíblia que Conduz às Escolhas Corretas
     Como assim???
     Ah! Entendi... é que as outras só nos levam às escolhas erradas...

E pensar que eu só queria uma simples Bíblia...
Enviado Por André Bernardo

ASSISTAM O PROGRAMA MENSAGEM EFICAZ, DO SETOR DA LAPA

A Assembleia de Deus, Ministério Belém, com Sede na Lapa, onde sirvo ao Senhor, tem um programa todas as terças-feiras às 22:00hs. Na última terça falamos sobre Heresias Internas Contemporâneas, como G12, Confissão Positiva e Teísmo Aberto. Convido os leitores a fazerem uma visita no endereço a seguir: http://adlapa.com/mensagemeficaz.asp ou no canal http://vimeo.com/mensagemeficaz/videos onde poderão assistir entrevistas com o Pr. José Prado Veiga, Pastor Setorial, Pr. Cássio Castelo, Coordenador de Missões, Pr. Jairo Cortez, Coordenador da EBD, Pr. Samuel Cardozo, Líder dos Jovens, Maestro e Escritor Nilton Didini Coelho, falando sobre Música, além de programas especiais com a pregação do Evangelho e o Especial Dia das Mães, com a Irmã Edna Veiga entrevistando algumas mães da igreja.

Sob apresentação do Pr. Renan Veiga e dos também entrevistadores José Antonio Gregório e Célio Zupelo, o programa tem sua marca na prioridade da Palavra e da Doutrina.

Maranata. Ora Vem Senhor Jesus!
Deus abençoa a todos.
Acesse:www.pastorguedes.blogspot.com

MENSAGEM EFICAZ: G12, TEÍSMO ABERTO E CONFISSÃO POSITIVA

ENTREVISTA CONCEDIDA AO PROGRAMA MENSAGEM EFICAZ DE RESPONSABILIDADE DA ASSEMBLEIA DE DEUS, SETOR DA LAPA

G12, Teísmo Aberto & Confissão Positiva from Mensagem Eficaz on Vimeo.

Maranata. Ora Vem Senhor Jesus.
Deus abençoe a todos.

Para assistir outros vídeos acesse:
www.pastorguedes.blogspot.com

sábado, 21 de agosto de 2010

MATÉRIA DA ÉPOCA: NOVA REFORMA?! ONDE?!

Enquanto aguardava para ser atendido por um amigo na recepção de seu escritório, deparei-me com a matéria da Revista Época sobre uma suposta Nova Reforma Protestante. Outro dia li rapidamente no Pavablog, blog do Pavarini, comunicólogo incansável. Ontem um amigo da Igreja da Lapa, enviou-me a matéria completa para uma reflexão mais apurada. Na verdade, já tinha minhas inquietações nas primeiras leituras rápidas que fiz.

Alguns poucos supostos "intelectuais" evangélicos brasileiros (ainda que neguem, posto que está na moda para essa gente negar que são evangélicos) recém-criados pela própria mídia que ora eles detonam, agora arrogam-se de novos detentores da verdade. Como disse o Dr. Caio Fábio no Youtube: "não são protestantes, são reclamantes, não têm compromisso com o Evangelho e gostam do clubinho, gostam da brincadeirinha" e emenda: "eu ainda estou aguardando a conversão de vocês ao Evangelho".

Também sou crítico do evangelhgo neopentecostal, dos jargões infames, dos chavões do evangeliquês, do evangelho apresentado na mídia: mascarado, caricato e adulterado. Mas, aqui pra nós, não há nada de novo. É isso mesmo! Mudaram a roupagem, mas os atores são os mesmos, os nomes são os mesmos, apenas mudaram as máscaras de acordo com seus interesses. Que Reforma é essa que me afasta da ortodoxia? O Ricardo Gondim, apesar de sua capacidade intelectual (?) e inteligência em ordenar as palavras no papel, abraça o Teísmo Aberto e, ao mesmo tempo que propõe uma revisão dos conceitos de Onipotência, Onisciência, Onipresença e Soberania de Deus (segundo ele, herança das instituições que vêm desde a Idade Média), quer nos empurrar para os braços do seu novo affair: o ecumenismo pregado no atual metodismo, onde frequenta salas e cadeiras como pós-graduado em Ciência da Religião. Ou seja, o Gondim prega uma Reforma às avessas, contrária à fé ortodoxa e que nos leva de volta para os braços de Roma. Já o Ed Rene Kivitz com sua "outra espiritualidade " ou "nova espiritualidade", defende igualmente o diálogo inter-religioso, outro nome para ecumenismo, enquanto o Ricardo Gouveia, Ariovaldo Ramos (também está embarcando nessa) e outros, pegam carona no denuncismo contra as igrejas neopentecostais (que são dignas de críticas) e   desenvolvem um discurso tido como "politicamente correto", atacando o cristianismo histórico denominando-o de religiosidade institucionalizada.

Acho mesmo que estão bem intencionados e que são homens de bem. Todavia, vivem uma vida fora da realidade brasileira. São burgueses comprometidos com suas próprias visões, gostam de posar de intelectuais na mídia evangélica, são presunçosos, mas se chegar um endemoninhado em suas igrejas não saberão o que fazer, porque nessas igrejas intelectualizadas não tem espaço para o pobre, nem libertação, nem cura para "os gadarenos". Eles brincam de "igreja-modelo", de "novo-paradigma", e desprezam as igrejas por onde passaram e os líderes com quem aprenderam e cresceram. Hoje, pós-graduados, doutores, esquecem suas origens, desdenham delas e desfilam toda sua vaidade nos artigos, nos livros e nas "academias evangélicas" e similares. E o pior: seus egos estão inflamados por serem tidos e reconhecidos por novos reformadores e nem se dão ao luxo de virem a público para rejeitarem o título que não merecem e que não fazem jus. Eles se acham mesmo reformadores, formadores de opinião, agentes históricos levantados por Deus para por fim a um ciclo da História da Igreja. Quanta presunção cabe em tão poucos corações humanos! Há pouca diferença entre eles e os que são objetos de suas críticas e infelizmente, com raríssimas exceções, lutam consciente ou inconscientemente para imortalizar suas obras.

Outro que vem ganhando destaque é o Pr. Elienai Cabral Júnior, que bebeu da fonte da teologia ibadiana (IBAD - Instituto Bíblico das Assembleias de Deus) em Pindamonhagaba, depois tornou-se  filhote do Gondim na Betesda. Extrai o texto abaixo do Púlpito Cristão, do querido Leonardo Gonçalves. Pelo teor do texto abaixo de autoria do Elienai Júnior, podemos avaliar que tipo de teologia esses novos "reformadores" estão fazendo com a Igreja: 


DEUS DE TÃO PERFEITO conheceu a plenitude do tédio. De tão cercado pelo idêntico a si mesmo, incapaz de dizer por que hoje não é apenas um reflexo de ontem, sem jamais ter sonhado com um outro dia, enfadado com a previsibilidade de um mundo impecável, inventou o amor. Ou seria, preferiu amar?[..] Deus, que do absoluto fugiu em desespero, que inventara o imperfeito, imperfeito se fez. Inventou-se entre os incertos. Aperfeiçoou a imperfeição. Humanizou-se entre humanos. De tão impreciso, despido das forças do absoluto, igualmente inapreensível, excepcionalmente frágil, tão vivo e tão morto, descortinou o absoluto como quem desnuda o que é mau. Imperfeito, salvou-nos da perfeição. (Elienai Cabral Jr.).





Infelizmente não está acontecendo nenhuma Reforma benéfica na igreja evangélica brasileira. A única coisa boa que está acontecendo, que consta na matéria da Época, é o evangelismo simples observado em Rondônia e a "subversão" popular de gente simples que não tem voz, status, poder ou dinheiro (como este editor) que através dos blogs pode falar a verdade sem pedir licença e apresentar seu ponto de vista em detrimento ao elitismo intelectual que campeia o meio evangélico, entre outras coisas.

Maranata. Ora vem Senhor Jesus!
Deus abençoe a todos.
PASTORGUEDES.BLOGSPOT.COM

quinta-feira, 19 de agosto de 2010

PROGRAMA MENSAGEM EFICAZ DEBATE G12, CONFISSÃO POSITIVA E TEÍSMO ABERTO

A Assembleia de Deus, Ministério Belém, com Sede na Lapa, onde sirvo ao Senhor, tem um programa todas as terças-feiras às 22:00hs. Na última terça falamos sobre Heresias Internas Contemporâneas, como G12, Confissão Positiva e Teísmo Aberto. Convido os leitores a fazerem uma visita no endereço a seguir: http://adlapa.com/mensagemeficaz.asp ou no canal http://vimeo.com/mensagemeficaz/videos onde poderão assistir entrevistas com o Pr. José Prado Veiga, Pastor Setorial, Pr. Cássio Castelo, Coordenador de Missões, Pr. Jairo Cortez, Coordenador da EBD, Pr. Samuel Cardozo, Líder dos Jovens, Maestro e Escritor Nilton Didini Coelho, falando sobre Música, além de programas especiais com a pregação do Evangelho e o Especial Dia das Mães, com a Irmã Edna Veiga entrevistando algumas mães da igreja.

Sob apresentação do Pr. Renan Veiga e dos também entrevistadores José Antonio Gregório e Célio Zupelo, o programa tem sua marca na prioridade da Palavra e da Doutrina.

Maranata. Ora Vem Senhor Jesus!
Deus abençoa a todos.
PASTORGUEDES.BLOGSPOT.COM

terça-feira, 17 de agosto de 2010

AD em Alagoas recebe caminhão de doações da igreja de São Paulo

Campanha da AD no Belenzinho foi coordenada pelo
pastor José Wellington e esposa, Irmã Wanda Freire da Costa
     A Assembleia de Deus em Alagoas, recebeu no dia 6 de agosto, uma doação especial para os irmãos vítimas das enchentes de junho. Sensibilizados com o drama das famílias atingidas e pelos relatos do pastor-presidente em Alagoas, José Antonio dos Santos, o pastor José Wellington Bezerra da Costa, presidente da Convenção Geral das Assembleias de Deus no Brasil (CGADB) e líder da AD no Belenzinho-SP, enviou com a igreja de São Paulo um caminhão de donativos.
     Segundo Joab Santos, assessor especial da presidência em AL, os produtos enviados são novos, como lençóis, roupas, material de limpeza, vassouras e alimentos não perecíveis. As doações foram encaminhadas à comitiva responsável pela entrega, na coordenação do pastor Ederaldo Domingos.
     O pastor Alexandre Junior, secretário adjunto do Ministério do Belém, foi o representante da igreja em São Paulo e entregou pessoalmente ao pastor José Antonio dos Santos, que agradeceu a disponibilidade e o povo bondoso da igreja de São Paulo.
     Neste mesmo período a AD em Recife, PE, também recebeu outro caminhão com doações.
Fonte:

DEU NA MÍDIA SECULAR: MAIS UMA DA RENASCER


A Igreja Apostólica Renascer em Cristo está entre as instituições religiosas que mais crescem no país. Fundada na sala da casa de Sônia e Estevam Hernandes, bispa e apóstolo da igreja, tornou-se em 24 anos um conglomerado de mais de 800 templos (espalhados pelo Brasil, por países da América Latina e Estados Unidos), escola, gravadora e emissoras de rádio e TV. Os eventos promovidos pela igreja reúnem milhares de pessoas. Mas, assim como os fiéis, proliferam na Justiça as ações contra a Renascer e seus dirigentes. A última delas vem do Ministério Público Federal (MPF), que acusa a Fundação Renascer, uma entidade assistencial ligada à igreja, de desviar R$ 1.923.173,95 recebidos do governo federal graças a dois convênios celebrados com a Fundação Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), órgão do Ministério da Educação.
Os acordos foram assinados em 2003 e 2004 e previam a alfabetização de 23 mil jovens e adultos e a formação de 620 professores. As dúvidas começaram em 2007, quando auditores da FNDE e da Controladoria-Geral da União (CGU)investigaram a aplicação dos repasses das verbas do Ministério da Educação para ONGs integrantes do programa Brasil Alfabetizado. Ao ser submetida à auditoria, a Fundação Renascer, para justificar gastos, apresentou uma lista de nomes de professores e alunos que teriam participado do programa de alfabetização. A lista não continha, porém, nenhum número de documento, como CPF, que comprovasse a existência das pessoas mencionadas. Foi rejeitada pela auditoria.

O caso foi então remetido para o Ministério Público Federal em São Paulo. A Fundação Renascer enviou ao MPF um cronograma de aulas de educação religiosa – recheado de erros de português – para tentar atestar a existência do curso. O roteiro incluía temas como “conhecer a Bíblia”, “a importância da fé e da fidelidade como filhos de Deus” e “a história de Neemias”. Indicou também testemunhas, que foram ouvidas pelo Ministério Público. Somente duas conseguiram comprovar que houve um curso de alfabetização e mesmo assim para apenas 300 alunos, muito longe dos 23 mil estabelecidos pelos convênios assinados com a FNDE. Outras testemunhas disseram ainda que o dinheiro do convênio depositado na conta da Fundação Renascer era sacado em espécie por pessoas não identificadas. Na ação, o procurador Sérgio Suiama pede que os responsáveis pela Fundação Renascer sejam condenados a devolver à FNDE os R$ 2 milhões relativos ao convênio, percam os direitos políticos por cinco anos e não possam mais assinar contratos com a União.

Documentos apresentados pela igreja para comprovar gastos foram rejeitados por auditoria do governo

“Eles não conseguiram comprovar que o dinheiro da FNDE realmente foi usado para alfabetizar adultos. Mesmo que uma pequena parte tenha frequentado aulas de religião, isso é irregular”, diz Suiama. Segundo Suiama, os temas das aulas mostram que a Renascer pode ter usado verba pública para difundir as crenças da igreja. “O cronograma das aulas de religião complica ainda mais a situação, pois o dinheiro do convênio nunca poderia ter sido usado para promover proselitismo religioso. A Constituição determina que o Brasil é um estado laico, não pode patrocinar nenhuma prática religiosa”, diz Suiama.

O principal alvo da ação do Ministério Público é o deputado estadual bispo José Bruno (DEM-SP), que era vice-presidente da Fundação Renascer e assinou os convênios com a FNDE em 2003 e 2004. Hoje fora da Renascer para montar sua própria igreja, o deputado José Bruno diz que jamais trabalhou no programa de alfabetização da fundação e só assinou os convênios porque os verdadeiros responsáveis, a bispa Sônia (presidente da fundação) e o apóstolo Estevam Hernandes, estavam ausentes. “Eu assinei os convênios porque Estevam e Sônia estavam fora do país”, diz ele. “Eu nunca toquei esse projeto e isso consta inclusive no depoimento de uma testemunha que diz que nunca tratou de assuntos desse programa comigo.” Segundo a CGU, Bruno teria atrapalhado o trabalho dos fiscais que foram verificar o destino do dinheiro dos convênios e evitou fornecer documentos à auditoria.

A Renascer, em nota, refutou “qualquer acusação de malversação de verbas públicas” e disse ter havido “apenas entendimentos errôneos da FNDE com relação a valores”. Disse que alfabetizou mais de 15 mil pessoas e anexou fotos com cenas de salas que supostamente seriam a prova da realização do programa de alfabetização. Quanto ao ensino religioso, afirmou que as cartilhas baseadas em assuntos da Bíblia “trouxeram resultados que superaram outras técnicas”. Disse ainda que as dúvidas levantadas sobre o trabalho da fundação vêm de “denúncias desleais, acusações sem provas” feitas por “pessoas sob suspeição absoluta” que teriam “claros interesses próprios em prejudicar a igreja”.

A bispa Sônia e o apóstolo Estevam foram presos em 2007 ao tentar entrar nos Estados Unidos com US$ 56 mil escondidos em uma Bíblia e um porta-CDs – eles haviam declarado ao Fisco americano que entrariam com apenas US$ 10 mil. Em dezembro do ano passado, eles foram condenados pela Justiça Federal a quatro anos de prisão e multa de R$ 150 mil cada um por evasão de divisas. Apresentaram recurso contra a condenação.

Fonte: Revista Época
Blog do Gutierres

Maranata. Ora Vem Senhor Jesus!
Deus abençoe a todos.
pastorguedes.blogspot.com

O Canal da Assembleia de Deus

Acompanhe as principais reuniões da AD-Belém-SP ao vivo, e a partir do dia 19 de setembro de 2010 transmissão da 64ª EBO - Escola Bíblica de Obreiros, com reuniões durante o dia e os cultos da noite.

sábado, 14 de agosto de 2010

MEMORIAL DAS ASSEMBLEIAS DE DEUS VIRTUAL

PEÇAS E HISTÓRICO DOS PRINCIPAIS FATOS E PERSONAGENS DO MOVIMENTO PENTECOSTAL NO BRASIL
por GLAUCIA MONTES
     Criado em 14 de dezembro de 2000, o Memorial das Assembleias de Deus no Brasil intitulado Memorial Gunnar Vingren, reúne fotos, infográficos e objetos pessoais dos pioneiros da denominação. Com as comemorações do Centenário das Assembleias de Deus no Brasil, ele acompanha a programação e viaja pelo Brasil com parte do acervo. Agora, os internautas também podem se informar sobre os fatos históricos do Movimento Pentecostal por meio do link localizado do lado direto da página principal do site do Centenário.
    Instalado na sede da Casa Publicadora das Assembleias de Deus, no Rio de Janeiro, o museu fica aberto à visitação mediante prévio agendamento. Alguns dos objetos presentes são a cama, os óculos, a mesa e a máquina de datilografia do missionário sueco Daniel Berg; o bandolim de Emílio Conde, pioneiro da imprensa pentecostal do Brasil; a máquina de costura de Frida Vingren, esposa de Gunnar Vingren entre muitos outros.
    Segundo Luciana Gaby, que acompanha as viagens do memorial pelo Brasil, um dos objetos que mais chamam a atenção são as agendas de Gunnar Vingren. “Nelas estão os relatos do missionário do início da fundação das Assembleias de Deus. Ele relata onde esteve, como foi o culto, quantas pessoas foram salvas, quantos batismos aconteceram. Isso emociona o público”, lembra Luciana.
    Para guarda, conservação, organização, catalogação e desenvolvimento de todo acervo iconográfico fisicamente guardados na Biblioteca, além de fotos, fitas cassetes, CDs, DVDs, filmes, coleções, revistas e todo material impresso da CPAD, além do Memorial foi recentemente criado na editora o Centro de Estudos do Movimento Pentecostal (Cemp). Chefiado pelo pastor Isael de Araújo, autor do Dicionário do Movimento Pentecostal (CPAD), o Cemp já prepara a organização do memorial por temas e aguarda a doações de material histórico. “Continuamos com a campanha para doação de peças históricas dos pioneiros das Assembleias de Deus. No nosso acervo, temos informações sobre a CGADB, a CPAD, personalidades do Movimento Pentecostal, mídia, além das obras publicadas pela editora. O objetivo do Cemp é ser um centro de referência sobre a história da denominação para pesquisadores”, finaliza.
    Conheça mais sobre a história do Movimento Pentecostal e das Assembleias de Deus no Brasil. Acesse o link e emocione-se com os relatos e curiosidades.
http://www.centenarioadbrasil.org.br/CPAD/PAGES/Livro_virtual_Memorial/livro.html

Jesus voltar - Hino oficial do Centenário das ADs - Brasil

por GLAUCIA MONTES

     Avançar, até Jesus voltar! Esse é o título do Hino do Centenário das Assembléias de Deus no Brasil. Composto por Edison Coelho, a letra conta a história da denominação desde a chegada dos pioneiros, Daniel Berg e Gunnar Vingren, passando pela fundação até a perspectiva da volta de Jesus. A música, também de autoria do Edison, mantém a identidade das Assembléias de Deus lembrando os hinos da Harpa Cristã.
     “Devido a importância desse momento para a denominação, já havia pesquisado quais foram os principais eventos da história e já havia montado a letra e a música do Hino. Passados alguns dias, eu recebi o telefonema do Victorino Silva (cantor da Patmos Music) para que fosse a CPAD porque gostaríam de uma música com essa proposta”, conta Edison.
     Compositor dos hinos Brasa Viva, Entrei no Templo, O Amor é Tudo e Deus Vivo, alguns dos mais conhecidos da história das Assembléias de Deus, Edison lembra da inspiração para compor essa obra: “Meu sentimento de compositor falou mais alto nesse momento. O hino tinha que manter a identidade tradicional da denominação com toda a cultura da Harpa Cristã e sem os modismos de hoje. E, ainda, deveria abrigar os momentos marcantes da denominação. Fiquei muito feliz de ter sido escolhido para a composição desse hino”, emociona-se.
     Se você ainda não conhece o Hino do Centenário das Assembléias de Deus no Brasil, não perca mais tempo! Na seção download do site você pode baixar o áudio da música que já está sendo cantada em todo o Brasil. Para as bandas e orquestras de músicas da igreja, também está disponível a partitura. Quem não sabe tocar nenhum instrumento não fica de fora. Também pode ser baixado o play-back do Hino. Então acesse, faça o download e cante bem alto! Afinal, você faz parte dessa festa!
O hino está disponível para downlouad no site oficial do centenário

segunda-feira, 9 de agosto de 2010

Como assim “Os Novos Evangélicos” Revista Época?

     Não é de hoje que às Organizações Globo procuram algo para falar contra os evangélicos em geral, não importa qual seja a denominação. Devemos analisar friamente qualquer conteúdo sobre Evangélicos que venha da dita organização, é certo que eles não estão satisfeitos com o crescimento da Igreja no Brasil, por isso de todos os jeitos e de muitas maneiras, tentaram corromper a fé no Brasil.
     No ano de 2002 é de conhecimento da maioria, que as empresas Globo investiram em mídia pesada contra a Igreja Renascer, qual o motivo? A Rede Globo havia perdido uma concessão de TV aberta no estado do Espírito Santo justamente para Igreja Renascer. Recentemente com a matéria intitulada “Caos Universal e Autorizado” o jornal O Globo promoveu diversos ataques ao Dia da Decisão promovido pela Igreja Universal.
     Está semana a capa da Revista Época trás como titulo “Os Novos Evangélicos” e diz que a Igreja no Brasil está precisando de uma Nova Reforma, chega a ser ridículo comparar o que está acontecendo hoje no Brasil, com o que fez Martinho Lutero à Igreja Católica Apostólica Romana. Nossa intenção não é dizer que a Igreja no Brasil é perfeita, mas certamente não estamos no caminho da Igreja Católica. Hoje as pessoas estão generalizando tudo, semelhantes a Elias no dia em que pensou estar sozinho em Israel, Deus o alertou dizendo que existiam 7 mil que não haviam se prostrado e adorado à Baal. Igualmente existe no Brasil muito servos e servas de Deus que andam pelo caminho que a Bíblia ensina.
     É certo que existem muitas denominações e algumas até divergentes, porém a grande maioria ainda prima pela Palavra de Deus, e a matéria da Revista colocou todas denominações em um saco e disse que precisaríamos de uma Nova Reforma! O que a tal Revista entende de Reforma?
     É importante lembrar que na matéria, não se fala sobre as maiores denominações no Brasil, como Assembleia de Deus, Deus é Amor, Quadrangular e Batista. A Matéria entrevista alguns líderes evangélicos de pequenos grupos que ‘filosofando’ muito, procuraram enfatizar sobre a necessidade de haver uma mudança de paradigmas no meio protestante. Um dos entrevistados é Ricardo Gondim pastor da Assembléia de Deus Betesda (não filiada à CGADB) simpatizante da Teologia Relacional ou Teísmo Aberto, que afirma entre outras coisas que Deus é apenas um observador da história, ou seja, mais um ser inserido no tempo ao invés de Senhor e mantenedor de tudo que existe.
     “Dividir para enfraquecer”
     Na reportagem também há sugestões de alguns “líderes” sobre reuniões em casa ao invés de nos templos, afirmando serem as reuniões em casa mais bíblicas do que a dos templos. É importante ressaltar que nem o próprio Jesus Cristo substitui as reuniões do Templo, facilitaríamos as coisas para nosso inimigo com reuniões somente em casas. Em Atos 5.42 diz-nos a Bíblia: “E todos os dias, no templo e nas casas, não cessavam de ensinar, e de anunciar a Jesus Cristo.”
     Não podemos generalizar nada no meio Evangélico, muito menos utilizar a opinião de pequenos grupos para refletir a opinião de mais de 40 milhões de cristãos que vivem no Brasil.
    A sutileza da revista pode passar despercebida para muitos, mas não por todos.

Não REVISTA ÉPOCA,
Não precisamos de uma Nova Reforma Protestante!
Por: Gospel Prime

sexta-feira, 6 de agosto de 2010

Queremos que acabe o show mesmo?

Precisamos começar a viver o que cantamos nas igrejas
por Ciro Sanches Zibordi

     Há uma famosa composição — ou melhor, duas em uma, intituladas “Meu Mestre” e “Vou Morar no Céu”— que vem sendo entoada de modo efusivo em nossas igrejas, quer por conjuntos (coral, mocidade, adolescentes), quer nos momentos de louvor coletivo. Por meio dela, em certo momento, dizemos, como se fosse uma oração: “Acabe o show, restaura o louvor”.
    
     Assim começa a composição: “A minha vida é do Mestre/ Meu coração é do meu Mestre/ O meu caminho é do Mestre/ Minha esperança é meu Mestre”. Vida, coração, caminho e esperança. O compositor foi feliz ao escolher os elementos que devem ser entregues ao nosso Mestre e Senhor Jesus Cristo. Mas, temos mesmo entregue tudo isso a Ele, ou cantamos da boca para fora, deixando-nos envolver pela melodia?

     Se entregamos a nossa vida ao Senhor, vivemos para Ele, e não mais para o mundo (1 Jo 2.15-17). Se lhe entregamos o centro da nossa vida espiritual, o coração, significa que priorizamos as coisas espirituais, e não os bens materiais e nosso próprio eu (Gl 2.20; Cl 3.1,2). Se entregamo-lhe o nosso caminho, então é Ele quem dirige a nossa vida (Sl 37.5). E, se depositamos nEle a nossa esperança, estamos aguardando ansiosamente o Dia em que Ele virá nos buscar, pois esta é bem-aventurada esperança da Igreja (Tt 2.11-14).

     “A Deus eu entreguei/ O barco do meu ser/ E entrei no mar a fora/ Pra longe eu naveguei/ Não vejo mais o cais/ Só Deus e eu agora”. A composição é realmente linda. Não há o que contestar quanto à letra. E a melodia contribui para cantarmos com emoção, sentimento. Contudo, como o nosso culto ao Senhor é racional, precisamos saber o que estamos cantando. Temos, de fato, entregue a direção da nossa vida a Deus, a ponto de sermos apenas nós e Ele?

     Numa envolvente e cativante gradação, a composição continua: “Na solidão da lida/ Eu pude perceber/ O quanto Deus me ama/ As ondas grandes vêm/ Tentando me arrastar/ Pra longe da presença dEle”. Salienta-se, aqui, que na caminhada do cristão verdadeiro há muitas tribulações (Jo 16.33; Rm 8.18). Não vivemos em um mar de rosas. E, nos momentos mais difíceis, quando ficamos sós, na verdade temos a companhia do nosso Ajudador (Hb 13.5,6; Sl 46.1). Mas isso precisa ser cantado e vivido pelos servos do Senhor.

     Depois do refrão “A minha vida é do Mestre”, a primeira composição — “Meu Mestre” — emenda com “Vou Morar no Céu”. E isso ocorre num momento em que todos estamos envolvidos pela música, quase em êxtase. Diz a composição: “Ainda bem que eu vou morar no céu/ Ainda bem que eu vou morar com Deus”. Mas, pergunto: Queremos, de fato, morar com Deus agora? Se sim, por que nos apegamos tanto a bens materiais? Por que tantos desafios, campanhas por prosperidade? Por que não demonstramos amor à Vinda de Cristo?

     O compositor, então, explica por que é melhor morar no Céu: “O mundo está cheio de horror/ Os mentirosos reinam sem pudor/ Mentes brilhantes planejando o mal/ Mas eu não desanimo, pois sou sal/ A integridade foi pro além/ No mundo ninguém ama mais ninguém/ Mas Ele prometeu que vai voltar, pra nos buscar”. Ah, se a igreja evangélica brasileira fosse, em sua totalidade, sal! Ah, se estivéssemos, verdadeiramente, esperando com ansiedade a Segunda Vinda do Senhor!

     Reconheço: a letra é bonita. Não estou escrevendo contra ela e seu compositor. Mas estou refletindo sobre como estamos mentindo para Deus, no momento do louvor. E o que vem depois confronta ainda mais o ideal com o real:“Restaura a tua casa, oh SENHOR/ Acabe o show, restaura o louvor”. Queremos isso mesmo, ou estamos cantando por cantar?

     Ora, vamos à realidade. No mínimo, dois terços dos nossos cultos (cultos?) são ocupados por canções dessacralizadas (profanas). Uma canção emenda na outra, num interminável show de cantoria e, em muitos lugares, dança. E a tendência é piorar, pois os hinos (hinos?) entoados em nossas igrejas estão cada vez mais longos, posto que foram preparados especificamente para shows com várias horas de duração — onde não há exposição da Palavra, mas “ministrações” dos próprios adoradores-astros —, e não compostos para um culto ao Senhor com apenas duas horas de duração.

     O compositor em apreço vai mais além, numa verdadeira pregação cantada: “Riqueza e fama agora é a pregação/ Já não se fala mais em salvação”. Mensagem contundente, que cantamos, mas não vivemos. Quais são os pregadores mais admirados por nós, hoje? Quais são os expoentes que pregam nos eventos que reúnem multidões? Os que falam da cruz, como Paulo? Os que discorrem sobre o Justo, como Estêvão? Os que anunciam a Cristo, como Filipe? Não! Admiramos pregadores que nos desafiam a semear para ter unção financeira! Admiramos pregadores que prometem milagres financeiros...

     Mais uma vez, numa entusiástica gradação, a composição diz: “O mundo está tentando enganar/ Aquele que o SENHOR virá buscar/ Mas permaneço firme com minha cruz/ Pois sou luz”. O autor e intérprete dessa composição é luz? Os seus músicos e integrantes do backing vocal são luzes? Os “levitas” e “adoradores extravagantes” do nosso tempo são luzes? Os pregadores da prosperidade são luzes? Os telepregadores são luzes? Os malabaristas e animadores de auditório são luzes? Você é luz, caro leitor? Eu sou luz? Nós temos sido luzes, neste mundo tenebroso? Permanecemos firmes com a nossa cruz, seguindo àquEle que nos chamou das trevas para a luz (Lc 9.23; 1 Pe 2.9,10)?

     Que acabe o show! O show da falsidade, da mentira, da apelação, do engodo, do amor ao dinheiro. E que voltemos a cultuar ao Senhor Jesus em nossas igrejas! Com menos triunfalismo e mais pregação cristocêntrica. Com menos sofisticação e mais simplicidade. Com menos performance gestual e mais quebrantamento do coração. Com menos descontração e mais arrependimento. Com menos cantoria e com muito louvor, com muito louvor, com muito louvoooor... Renova-nos, Senhor!

Fonte CPAD News

Bebê declarado morto acorda dentro do caixão no México

     Pais foram alertados por barulho de choro vindo de dentro do caixão. Médico que declarou recém-nascida morta está sendo investigado
     Por Redação OGalileo06/08/2010 16:16hAutoridades mexicanas informaram que um bebê recém nascido que foi declarado morto pelos médicos despertou quando já estava no caixão.
     O procurador do estado de Hidalgo, Jose Rodriguez, disse que os pais ouviram um estranho barulho vindo do pequeno caixão. Após abrí-lo, encontraram a filha viva e chorando.
     Rodriguez disse a uma rádio local que o médico que declarou a menina morta no hospital da cidade de Tulancingo está sendo investigado por possível negligência.
     O bebê, que nasceu prematuro na última segunda-feira, foi examinado em outro hospital e seu estado de saúde é estável.
     Com informações do G1 / Notícia Novo BR / O Galileo

Jabes de Alencar reassume AD Bom Retiro comemora nova fase

Por: Celso de Carvalho
Fonte Redação Creio
     Jabes de Alencar está de volta à presidência da Assembléia de Deus do Bom Retiro, em São Paulo. Com seu estilo bem humorado, comunicativo, o pastor e escritor recebeu a equipe do CREIO em seu gabinete no dia 04 de agosto. No bate papo ele comemorou seu retorno à direção da igreja, após afastamento por problemas de saúde, e apresentou seu mais novo livro ‘Gotas que Borbulham’ que será lançado na EXPOCRISTÃ.
     “Não podemos ser escravos da agenda”, disparou o pastor assembleiano. Após se afastar da direção em abril, por conta de um princípio de AVC, Jabes mudou seu estilo de vida. Hoje ele divide as tarefas com seu filho, Dayan Alencar. “Isto mostra que a Seara é grande, mas os trabalhadores são poucos. Por conta disto pude dar oportunidade para uma nova geração”, falou. Hoje com uma agenda mais enxuta ele divide suas atenções à direção da igreja e encontros de avivamento em prol da unidade.
     A mudança na gestão também refletiu na mudança de estilo de vida. Jabes mudou a alimentação e está cuidando mais da pressão arterial.
     Sobre os novos projetos, Jabes promete lançar na EXPOCRISTÃ, que acontece de 07 a 12 de setembro no Expo Center Norte em São Paulo, o livro 'Gotas que Borbulham'. O livro traz meditações e frases devocionais sobre perdão, otimismo, motivação. “São momentos de reflexão e frases que li durante toda minha vida”.

quarta-feira, 4 de agosto de 2010

Garota de 13 anos copia Bíblia e entra para RankBrasil

Em 10 meses Juliana concluiu o desafio e usou mais de 3 mil folhas

     Ela utilizou 28 canetas, 3.223 folhas e 34 blocos de fichários com 96 folhas cada. E para que todo esse material? Para copiar a Bíblia. Aos 13 anos, Juliana Grunheidt Vilela Pereira, dedicou 10 meses para reescrever as Sagradas Escrituras. Ela terminou a tarefa em dezembro de 2009, mas só agora foi homologada no Livro dos Recordes Brasileiros, RankBrasil.
     Juliana é filha do diácono Vander Batista Pereira e de Suzimara Grunheidt Vilela Pereira, membros da Igreja Presbiteriana de Vila Rubens, da Cidade de Itajubá – MG, onde moram atualmente.
     A adolescente acordava às 6h para copiar a Palavra de Deus. “Quando tinha algo para fazer de manhã não gostava porque a prioridade era copiar a Bíblia. Nunca vou esquecer esta experiência”, ressaltou.
     Pouco tempo antes de começar a redigir a Bíblia Sagrada Juliana estava enfrentando um problema de saúde comum entre muitas adolescentes, ela tentava superar a anorexia. Lutando contra sua disfunção e querendo superar seus problemas a recordista procurava ocupar sua mente. “Foi aí que Deus me ajudou, colocando em meu coração o desejo de ler e copiar a Bíblia, assim minha mente ficou ocupada e passei a ter uma vida melhor”, conta Juliana.
     Juliana contou com a ajuda da família para cumprir seu objetivo, no começo passava grande parte do dia reescrevendo o material, o que acabou prejudicando sua relação com os amigos e estudos devido ao tempo de dedicação. Assim sua mãe traçou algumas metas onde Juliana deveria copiar somente quatro capítulos ao dia e descansar aos domingos, seus horários eram das 6 horas da manhã até as 11 horas, na maioria das vezes transcrevia por cinco horas, algo em torno de 20% do seu tempo.
     A mãe foi a primeira a tomar conhecimento do desafio da filha. Ele acordava e sempre via a filha copiando. A mãe diz que Juliana aprendeu o que está escrito e guardou no coração. Além disso, incentivou a família a ler a Bíblia em um ano. “Tantos adolescentes gastam tempo naquilo que tem amor como TV, Internet, videogame. E minha filha tem amor pela palavra de Deus. Sinto muito orgulho dela”, frisou.
     Durante os 10 meses, a família Pereira manteve segredo. Na escola a adolescente comentava apenas que acordava às 6h para ler a Bíblia. “Um colega se interessou e começou a ler também. Ao copiar aprendi muitas histórias que me ajudou a crescer espiritualmente e na escola”, ressaltou Juliana.
     O material produzido por Juliana foi impresso e encadernado em vários volumes resultando uma linda coleção, contando com o apoio da família sempre que terminava de escrever um volume ganhava presentes, representando muita emoção para ela e sua família.
     Para a recordista a emoção foi ainda maior ao terminar de reescrever as últimas palavras da Bíblia, “não é fácil descrever a emoção que senti naquela hora, mas quando terminei de copiar a última frase da Bíblia, lembro-me de ter dado um suspiro e um grande sorriso, dei muitos pulos de felicidade, foi uma experiência maravilhosa, que nunca vou esquecer”, declara Juliana.
     Para a recordista Juliana entrar para o Livro dos Recordes Brasileiros foi uma surpresa, pois não tinha ideia de que este feito fosse causar tanta repercussão e admiração entre as pessoas. “Estou muito feliz por deixar registradas algumas verdades, o grande amor que eu tenho para com Deus e com sua Palavra, a importância da Palavra de Deus no nosso dia-a-dia e na família”, declara Juliana.
    A Igreja Presbiteriana de Vila Rubens, da qual a família é membro, homenageou Juliana com um diploma. “Fiquei emocionada, afinal consegui depois de uma tarefa difícil. Vou incentivar as pessoas a fazer o mesmo porque aprendi muito”, finalizou.
Fonte: CPAD News

11º Congresso de Adolescentes do Setor de Vila Espanhola

clique na foto para amplia-lá
     Nos dias 3 a 5 de julho foi realizado o 11º Congresso de Adolescentes do setor 18 - Vila Espanhola. O tema escolhido para este evento foi: “ESTA É A GERAÇÃO QUE VERÁ A TUA FACE, A TUA FACE Ó DEUS”, Sl. 24.6.
     O culto de abertura contou com a participação do grupo de jovens do Bairro do Limão (setor3) e o preletor foi pastor Silvino Junior (AD-Osasco), o qual enfatizou a importância de uma vida de seriedade e compromisso com Jesus. No sábado um grande culto foi realizado e muitos hinos foram entoados em louvor a Deus pelos conjuntos de São José dos Campos, Sede do Belém, Franco da Rocha e também do conjunto local. A irmã Rute Silva, líder dos adolescentes do ministério, falou do prazer de participar da festa e de como fora sua infância no setor. Após suas palavras, seu esposo Ev. Adauto Silva ministrou a Palavra. Uma homenagem foi realizada também a coordenadora dos adolescentes do setor, Irmã Orlanda Ribeiro e seu esposo Alexandre por mais um aniversário de casamento.
     No domingo pela manhã o trabalho foi extraordinário. Os adolescentes vivenciaram um culto evangelístico na prática. O culto foi na praça próximo à sede do setor 18. Em seguida, uma caminhada foi feita rumo à congregação do Imirim 1 (aproximadamente 2 km). No caminho, os jovens distribuíram panfletos e louvaram a Deus. O trabalho foi autorizado pela prefeitura e pela CET - Companhia de Engenharia de Tráfego. A Polícia Militar acompanhou todo o trajeto e, inclusive, elogiou muito a organização. Segundo os policiais, eventos desta magnitude sempre há algumas ocorrências, mas neste não houve nem sequer uma reclamação.
     Após o almoço, de volta à igreja sede, houve um momento de adoração, com a presença da banda Davida. O pastor Francisco Guedes Maia (AD-Lapa) palestrou e enfatizou a questão das escolhas. E a melhor escolha é estar na Casa do Senhor, completou. Outro fator marcante da palestra foi concernente às gerações passadas e a geração de então, a nossa. O pastor deixou claro, provando através da Bíblia, que nossa geração é a dos grandes desafios e precisamos ter uma resposta para o mundo que se encontra embaraçado com muitas coisas que desagradam a Deus.
     No período da noite, o preletor, pastor Guedes, falou da necessidade de nos mantermos limpos do pecado e de nos entregarmos com sinceridade a Deus. A Glória do Senhor foi notória na congregação com curas e milagres testemunhados por vários irmãos que foram agraciados.
     A irmã Orlanda Ribeiro (Landinha) agradeceu a Deus pela oportunidade de estar à frente do grupo mais este ano. Agradeceu ainda ao ministério pelo apoio, aos coordenadores do setor e a todos que fizeram com que este congresso fosse realizado. O pastor Daniel Rocha (Setorial) parabenizou a todos pelo trabalho e pelo empenho dos adolescentes, pais, coordenadores e obreiros.
Por Aguinaldo Lopes
Fotos Carlos Pedreira
Obs: por motivos técnicos esta matéria está publicada com atrazo.

Brasileira evita assalto nos EUA falando de Jesus

Por Redação OGalileo
     Apenas quatro minutos depois de abrir a loja de celulares em que trabalha em Pompano Beach, na sexta-feira retrasada (23), a mineira Nayara Gonçaves viu um homem entrar todo vestido de preto. Ela percebeu que havia algo estranho, mas não conseguiu fechar a porta a tempo. Ele se aproximou do balcão, perguntou preços de aparelhos e logo mostrou uma arma, anunciando um assalto. Em vez de entregar de cara tudo o que tinha no caixa, Nayara decidiu conversar com o homem, e acabou convencendo ele a desistir do roubo.
     "Percebi que ele não era má pessoa. [...] Ele disse que odiava ter que fazer aquilo, mas que precisava de todo o dinheiro que tinha no caixa. Eu disse: 'antes de fazer qualquer coisa eu quero te falar um pouco de Jesus'. Comecei a dizer que era evangélica e que esse não era o caminho certo. Ele ouviu, não apontou mais a arma pra mim e falou que precisava de US$ 300 para não ser despejado do apartamento em que morava", disse a brasileira de 20 anos.
     O assaltante, depois identificado como Israel Camacho, de 37 anos, disse que Nayara estava certa e que não queria machucá-la. Ela ofereceu ajuda para ele arrumar um emprego, e ele disse que já tinha um trabalho, mas precisava do dinheiro imediatamente. "Jesus pode mudar a sua vida", ela disse. Já a caminho da porta, o assaltante olhou para a brasileira e mostrou a arma falando: "quer saber de uma coisa? Isso nem é de verdade, é uma arma de brinquedo."
     Nayara nunca foi assaltada antes. Nascida em Mantena (MG), ela mora com a família nos EUA há cinco anos e é gerente da loja. "Fiquei muito nervosa, porque não sabia qual seria a reação dele. Meu chefe quando viu as imagens das câmeras de segurança disse que eu era louca, que devia ter entregado o dinheiro. A policial da delegacia me falou que nunca tinha visto algo assim."
     A fala da brasileira pode ter poupado um assalto à loja em que trabalha, mas não impediu que o assaltante voltasse a roubar. Camacho foi preso no mesmo dia, após invadir uma loja de sapatos poucas horas depois da tentativa frustrada de levar dinheiro do estabelecimento onde Nayara trabalha. "Fiquei muito chateada quando soube. Achei que ele realmente tinha se arrependido, que eu tinha plantado uma semente em seu coração. Mas acho que agora ele vai repensar e ainda pode fazer um compromisso com Deus."
     Com informações do G1/ MG Notícias

Clube de Um Milhão de Almas é um fracasso?

     O jornalista Ricardo Feltrin (Ooops, da TV UOL) nesta data, 3 de agosto de 2010, noticiou como fracassado o projeto de evangelização internacional Clube de Um Milhão de Almas.
     Feltrin, extremamente desinformado ou extremamente perspicaz quanto à intenção inconfessável para criar polêmica e semear discórdia entre irmãos, afirma que o Clube de Um Milhão de Almas objetiva montar uma televisão. Não é verdade. A arrecadação é para cobrir custos à transmissão, por um período de um ano, do programa Vitória em Cristo, edições dubladas em inglês, via satélite, cobrindo cerca de 140 países a partir dos Estados Unidos.
     Além disso, Feltrin confunde ainda mais quem o assiste. Ao citar o número de doadores, que na data de hoje são 4.946, ele afirma que isto representa um fracasso, tentando fazer com que se pense que a meta de Silas Malafaia seria alcançar 1 milhão de doadores com a quantia de 1 mil reais. Não. O objetivo é evangelizar 1 milhão de almas, não é chegar aos 1 milhão de doadores.
     Essa arrecadação também objetiva financiar a realização de cruzadas e congressos. Nada mais que isso.
     Como já afirmei antes, Feltrin segue a máxima do Chacrinha. Ele quer confundir, não quer explicar nada.
     Prezado leitor, seja você alguém que se simpatize com o ministério Vitória em Cristo ou não, aceite ou discorde dos rumos que o Pr. Silas Malafaia adota, creio que é suficientemente inteligente para analisar uma atitude como essa. Que jornalismo é esse? Isso não é jornalismo. O distinto cidadão defronte à câmera do site UOL brinca de alfinetar todos os protestantes, não apenas um.
http://tvuol.uol.com.br/#view/id=ooops--pastor-fracassa-ao-tentar-lancar-tv-em-150-paises-0402193166D8A983A6/mediaId=5856312/date=2010-08-03&&list/type=user/codProfile=1575mnadmj5c/

Fonte União dos blogueiros evangélicos